O que São Amuletos de Proteção?

Conhece os amuletos de proteção? Proteção a mais não faz mal. Cada pessoa é livre e espontânea de acreditar ou não que símbolos irão trazer sorte, boas vibrações, prosperidade e etc.  Confira mais detalhes os amuletos mais comuns e a finalidade de cada uma.

Confira: O que são amuletos da sorte?

O guia dos amuletos

Olho grego: traz purificação, boa sorte e nos protege do mau-olhado. Uma dica interessante é colocá-lo acima da porta de entrada ou na própria porta.

Pimenta: A pimenta é conhecida pela sua cor e ardência, responsável por filtrar as energias negativas. Podendo ser usada como acessório, em pulseira ou brincos por exemplo.

Mão de Fátima:  A função da Mão de Fátima é barrar a inveja. O indicado é usar com um colar próximo ao coração, assim irá atrair boas energias.

Trevo da sorte ou trevo-de-quatro-folhas: Um clássico e muito comum ouvirmos nos dias atuais, nos protege do azar trazendo muita sorte. É usado como acessório mas também muito comum ouvirmos que colocar num saquinho com respingos do seu perfume e inserir na carteira irá nos trazer sorte no amor.

Cruz: Amuleto oficial do Cristão, é utilizado como objeto de proteção, principalmente do mau-olhado. Usado muito em jóias, rosários e acessórios para casa.

Sal grosso: Sal grosso é usado para neutralizar as energias negativas. Antigos colocavam uma fileira de sal na soleira da porta ou em janelas mas também existe a forma de colocar sal grosso num copo d’água ao lado esquerdo da porta.

Pomba da paz: É o símbolo do Espírito Santo, um amuleto que traz proteção, paz e pureza. Usado muito na decoração da casa.

O que são amuletos de proteção? 

Amuletos de proteção são amuletos que nos barram das energias ruins, dos maus-olhados, da inveja. Seja em casa, no trabalho, na escola, na igreja, ou em qualquer lugar que venhamos nos destacar e dar nosso melhor muitas pessoas não aprovam o reconhecimento vindo à nós. 

Para que servem os amuletos? 

Amuletos são objetos que servem para proteger algo ou alguém, dar sorte, trazer sucesso, sentimentos positivos e atrair energias boas. Está muito ligado nas crendices populares e religiosas. 

Os melhores amuletos de Proteção?

  • Olho grego: traz purificação, boa sorte e nos protege do mau-olhado.
  • Pimenta: A pimenta é conhecida pela sua cor e ardência, responsável por filtrar as energias negativas.
  • Trevo da sorte ou trevo-de-quatro-folhas: Um clássico e muito comum ouvirmos nos dias atuais, nos protege do azar trazendo muita sorte.
  • Cruz: Amuleto oficial do Cristão, é utilizado como objeto de proteção, principalmente do mau-olhado.
  • Sal grosso: Sal grosso é usado para neutralizar as energias negativas.
  • Pomba da paz: É o símbolo do Espírito Santo, um amuleto que traz proteção, paz e pureza.
  • Buda: A figura do Buda, no geral, tem o significado de iluminação, paz e felicidade.
  • Elefantes: Atrai sorte e evita a falta de dinheiro.
  • Tsuru: Símbolo que remete a saúde, sorte, felicidade, longa vida, fortuna, amor conjugal e fidelidade.

Onde pendurar os amuletos? 

Cada amuleto tem sua simpatia, mas é muito comum amuletos serem usados como acessórios, por exemplo: Colares, anéis, brincos, pulseiras, roupas, artesanatos. Vemos muito também serem usados na decoração das casas, como objeto ou em quadros.

Onde encontrar amuletos já prontos? 

Encontramos em santuários religiosos, tribos indígenas, em lojas de pingentes, joalherias, sites…

Como criar seu próprio amuleto de proteção? 

Vamos a alguns exemplos de como criar amuletos.

Amuleto de proteção para carro

É muito comum vermos rosário nos retrovisores dos carros, trazendo proteção. Mas como fazer um rosário? 

O rosário precisa de fio de nylon, miçangas, passantes, tesoura, crucifixo, e um entre meio de nossa senhora do Rosário, é colocado as 200 chamadas continhas que são as bolinhas de miçanga conforme o rosário comum (temos o terço também que é o mesmo estilo porém é colocado apenas 53 continhas). 

Sempre colocar a nossa senhora no final de todas as continhas e o crucifixo o último a ser colocado na ponta do rosário.

Amuleto da sorte natural

Precisa de um pedaço de tecido (verde, azul, laranja, rosa, branco, vermelho ou amarelo). 

Um fio de linha da mesma cor, 5ml de chá de boldo desidratado, 5 ml de chá de hortelã desidratada, uma quantia pouca de Ipê Roxo desidratado, um palmo de louro desidratado, e um pouco de canela em pó. 

Numa superfície limpa, coloque o tecido e em cima dele todos os ingredientes, enquanto mexe nos elementos tenha em mente o que você almeja com este amuleto. Faça seu ritual de paz que traga boas energias, se preferir uma oração, ou um mantra. 

Como abençoar amuletos de proteção?

Para abençoar os amuletos de proteção, é preciso escolher um objeto que irá purificar e consagrar um amuleto da sorte.

O primeiro passo é purificar o objeto, tem várias formas e purificá-lo com os elementos: água, terra, ar e fogo.

  • A purificação com o ar precisa de um incenso, passe a fumaça pelo objeto que ela irá limpá-lo energeticamente.
  • A purificação com terra: é bem simples, apenas deixar o objeto na terra, de preferência uma que tenha vida, por exemplo uma planta. Deixar uns dias ou apenas uma noite que tenha luz da lua.
  • A purificação com fogo: Passar o objeto não perecível pela chama pedindo para queimar toda maldição e laços passados.
  • A purificação com água: Limpar apenas com água corrente da torneira é muito limitado, às vezes uma mangueira pelo tamanho irá intensificar mais o ato, deixe água lavar e levar todas as impurezas até ter certeza do objeto estar purificado.

Não esquecer de todo final de purificação agradecer aos seres que regem os elementos.

Depois disso, podemos abençoar o objeto, que chamamos de consagração:

Os ingredientes: 250ml de água, 1 vela, 1 cristal ou pedra, Incenso ou pena.

A água na direção contrária do incenso, a direita da água a pedra, e no lado oposto a vela.

Trace um círculo com o indicador no ar a sua volta, feche os olhos expanda sua energia, peça a presença de seu deus, acenda a vela e o incenso que serão o equilíbrio, passe na fumaça do incenso o objeto purificado, fazer o mesmo com a vela imaginando-o sempre em harmonia, respingar água no objeto e repetir orações. 

Apresente o amuleto ao seu Deus e o agradeça, trace o indicador no ar no sentido anti-horário o círculo que fez no início.

Pronto, um amuleto consagrado com o que você quiser que ele te proteja.

Ricardo Tibau

Ricardo Tibau, dramaturgo, escritor, tarólogo e reikiano apaixonado por estudos relacionados à espiritualidade.

Ricardo Tibau has 190 posts and counting. See all posts by Ricardo Tibau