Como Fazer a Simpatia do Pé?

Conhece a simpatia do pé? As questões relacionadas à espiritualidade costumam ser do interesse de muita gente. Independentemente de religião, a crença é um tema sempre muito abordado. 

E, talvez, justamente por isso as simpatias fazem tanto sucesso desde que o mundo é mundo.

Então, se você é uma dessas pessoas que adora contar com um empurrãozinho espiritual, a simpatia do pé direito vai te surpreender! Isso porque, este é um dos poucos rituais que pode ser utilizado de acordo com a sua necessidade.

Ou seja, esta não é uma simpatia restrita a amor, dinheiro ou emprego, por exemplo. Este é um ritual que pode ser usado para atrair qualquer coisa que você esteja precisando no momento.

Vem com a gente para entender isso melhor!

Quais são os riscos oferecidos por um ritual?

Para quem não está muito por dentro do misticismo, uma dúvida muito recorrente é: fazer rituais pode ser perigoso?

E a resposta é: depende!

Antes de mais nada, precisamos entender que os nomes dos rituais não são tão importantes quanto parecem. 

Portanto, se você faz um feitiço, uma magia, uma simpatia ou, até mesmo, uma amarração, o que vai definir o risco que você corre é uma única coisa: o tipo de energia que é invocada.

Em outras palavras, um ritual só será perigoso quando o que te motiva a fazê-lo são intenções densas e negativas. 

Resumidamente, sempre que sentimentos como raiva, mágoa, inveja, vingança e capricho estiverem envolvidos em um rito, entidades das sombras estarão por perto.

De tal forma, a regra é simples: realize um ritual apenas quando seu desejo for nobre, genuíno e bondoso. Jamais pague por esse tipo de “trabalho” e, em hipótese alguma, busque interferir no livre arbítrio de alguém.

Relatos sobre a efetividade da simpatia

Após entender os riscos que um ritual pode oferecer, é natural que você pense na efetividade dele, não é mesmo?

Assim sendo, é fundamental que também façamos alguns esclarecimentos a respeito disso antes de partirmos, de fato, para a simpatia do pé direito em si.

Todo ritual voltado para o bem, que conta com o auxílio de espíritos de luz, está sujeito à uma espécie de “Sabedoria Suprema”. Em outras palavras, nenhuma simpatia que conta com energias positivas oferecerá garantias.

Isso ocorre porque a Lei Universal, que tudo rege, não atua de acordo, exclusivamente, com nossas vontades. Muito pelo contrário! 

O Universo (ou Deus, como queira chamar) sempre sabe o que é merecimento e necessidade real de cada um de nós. Dessa maneira, o ritual só funcionará se contar com a “Permissão Superior” e não trouxer nenhum prejuízo a ninguém.

Mas e se o ritual não der resultado?

Caso você não consiga obter o que deseja através da simpatia do pé direito, reavalie sua fé e o passo a passo que você desenvolveu, claro. Porém, mais do que isso, pense que tal pedido pode não ser o melhor para sua vida neste momento

Todavia, tenha em mente que através do ritual você estará elevando seus pensamentos, potencializando e acelerando um processo natural.

Muitas vezes, o Cosmos apenas espera que expressemos nossa verdadeira intenção com humildade e confiança para realizar um propósito. Portanto, acredite!

Veja como fazer a simpatia do pé direito 

Tudo isso exposto, podemos passar, finalmente, à forma de executar a simpatia do pé direito!

Ingredientes

  • 01 Vela branca;
  • 01 Garrafa de champanhe rose;
  • 03 Colheres (chá) de mel;
  • Caneta azul;
  • 01 Taça de vidro;
  • 01 Prego;
  • 01 Rosa vermelha com caule.

Modo de fazer

1º Passo: À noite, antes de se deitar para dormir, tome um banho relaxante e acalme os pensamentos;

2º Passo: Em seguida, escreva na sola do seu pé direito o que deseja obter. Escreva de forma resumida, com poucas palavras;

3º Passo: Despeje um pouco do champanhe na taça e acrescente o mel;

4º Passo: Com a ajuda do prego, escreva na vela o mesmo pedido. Na sequência, coloque a rosa e a vela, ambas em pé, dentro da taça;

5º Passo: Feito isso, aguarde alguns segundos, tire a vela de dentro da taça e deixe a rosa;

6º Passo: Para terminar, acenda a vela e assim que ela for completamente consumida, jogue a rosa na natureza juntamente com o conteúdo da taça.

Agora é com o Universo!

Boa sorte!

Ricardo Tibau

Ricardo Tibau, dramaturgo, escritor, tarólogo e reikiano apaixonado por estudos relacionados à espiritualidade.

Ricardo Tibau has 190 posts and counting. See all posts by Ricardo Tibau